Pular para o conteúdo
Voltar

Setasc faz oficina para alinhar políticas de Assistência Social, Educação e Saúde

A oficina tem como intuito alinhar ações e estratégias com os profissionais para a superação de desafios
Emerson Cantarelli | Setasc-MT

Oficina Intersetorial: Municípios Prioritários - MUPs - Foto por: Jana Pessôa/Setasc-MT
Oficina Intersetorial: Municípios Prioritários - MUPs
A | A

Representantes municipais do Programa Bolsa Família nas áreas de Assistência Social, Educação e Saúde, participaram nesta quarta e quinta-feira (04 e 05.09) da Oficina Intersetorial de Municípios Prioritários (MUPs), realizado no auditório da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc-MT).

A oficina tem como intuito alinhar ações e estratégias com os profissionais para a superação dos desafios apontados pelo Ministério da Cidadania. Entre os municípios que participam da iniciativa estão: Comodoro, Cotriguaçu, Primavera do Leste e Vila Rica.

O evento visa ainda atender as demandas da Secretaria Nacional de Renda de Cidadania (SENARC), do Ministério da Cidadania, que indicou ao Estado uma lista de municípios prioritários, que apresentaram baixas taxas referentes acompanhamento de frequência escolar e dificuldades com a execução financeira do Índice de Gestão Descentralizada Municipal – IGD-M.

Pela manhã, o evento discutiu temas, como atualização da frequência escolar e no acompanhamento do PBF na Saúde. No período da tarde, os participantes trataram da importância da construção e metodologia para elaboração da agenda intersetorial.

A superintendente de Benefícios e Projetos Sócio-assistenciais do Sistema Único de Assistência Social e coordenadora Estadual do PBF, Cristina Caputi de Souza, destacou a importância da parceria entre o Estado e os municípios para o aperfeiçoamento dos profissionais do SUAS.

‘’Agradeço a participação de todos. Esse evento só foi possível pela cooperação dos munícipios. Esperamos que essa realização venha agregar as informações necessárias para que possamos ter requisitos e otimizar as ações em todos os respectivos municípios”, pontuou.

Segundo a coordenadora Estadual do Programa Bolsa Família na Educação, Maria Rosa de Moraes, a ação é um avanço para a otimização do PBF nos municípios do Estado.

“É de extrema importância o papel dos colaboradores nessa empreitada de construção intersetorial. Ter essas áreas trabalhando em conjunto é um avanço para os municípios que estão empenhados em desenvolver PBF em Mato Grosso”, finalizou. (Com supervisão de Vivian Lessa)