Pular para o conteúdo
Voltar

Famílias do Distrito de Aguaçu são atendidas em campanha da primeira-dama

A ação já beneficiou milhares de pessoas que se encontram em vulnerabilidade social agravadas pelos efeitos da pandemia
Quéren-Hapuque | Setasc/MT

Entrega de cestas básicas no Distrito de Aguaçú - Foto por: Josi Pettengill
Entrega de cestas básicas no Distrito de Aguaçú
A | A

Mais de 400 famílias carentes que moram no Distrito de Aguaçu, zona rural de Cuiabá, foram beneficiadas com a campanha Vem Ser Mais Solidário nesta quarta-feira (14.10). A inciativa idealizada e liderada voluntariamente pela primeira-dama do Estado, Virginia Mendes, já atendeu milhares de pessoas que se encontram em vulnerabilidade social agravadas pelos efeitos da pandemia.

Como é o caso da Liliane Silva, 37 anos, umaa das beneficiadas que enfrenta dificuldades como a falta do alimento. “ Esta cesta vai ajudar muito não só a minha família que precisa, mas como de todos aqui da comunidade”, disse.

A família do Paulo Roberto da Silva, 45 anos, também recebeu doações. “ Estou feliz por tudo que vocês estão fazendo por nós. Deus abençoe”, externou.

Para o presidente da Associação de Moradores, Ademar Carlos Smaniotto, a ação solidária contribui para o sustento das famílias em risco social. “Quero agradecer muito a primeira-dama e todos envolvidos por esse benefício, que é uma grande obra na minha vida e de todos que moram nesta região”, comentou.

A presidente da Associação Mais Mulheres por Cuiabá, do Distrito de Aguaçu, Lídia Ferreira da Silva, disse ser gratificante receber os donativos. “Esses alimentos e kits contemplam famílias que realmente estão necessitadas. Estamos muito felizes por esse pressente que vocês estão nos proporcionando”.  

Na oportunidade o secretário-adjunto de Assuntos Comunitários da Setasc, Édio Martins, em seu discurso enfatizou a importância do ato de solidariedade. “A campanha tem se atentado a alcançar as camadas mais pobres e que mais estão sofrendo com tudo isso. O nosso compromisso é garantir esses suprimentos básicos cheguem na casa dos mais necessitados”, finalizou.